Nº 1272 – 26/04/2024 – Tribuna da Madeira

2.00

Edição 1272 do Semanário Tribuna da Madeira em formato digital ( pdf ) por apenas 2 €

“desconsideração brutal” nas Ginjas

A decisão tomada pelo Instituto das Florestas e Conservação da Natureza (IFCN) de intervir no Caminho das Ginjas na passada semana “é impensada”, afirma Nuno Morna. O candidato pela IL Madeira diz que “arrancar indiscriminadamente flora local, sem qualquer critério aparente, não é um método de defesa, mas sim de ataque”. Já o PTP acusa o Governo de estar “a levar avante” a Estrada das Gingas pela “porta do cavalo”.

 

‘Linhas vermelhas’ vão marcar as Regionais

Partidos colocam condições para a formação de novo Executivo. As próximas Eleições Legislativas Regionais, que apontam para a possibilidade de inexistência de maiorias absolutas, deverão decorrer sobre o signo da incerteza. Para já, apenas o CDS/PP de José Manuel Rodrigues admite a possibilidade de voltar a negociar com o PSD de Miguel Albuquerque. O líder regional dos social-democratas tem vindo a admitir o diálogo com todos os partidos, inclusivamente o Chega, que há muito garante não estar disponível para fazer quaisquer coligações.

 

Madeira é “terra governada de forma diferente”

Pinto Luz substituiu Montenegro e Hugo Soares para elogiar Albuquerque. As próximas Eleições Legislativas Regionais, que apontam para a possibilidade de inexistência de maiorias absolutas, deverão decorrer sobre o signo da incerteza. Para já, apenas o CDS/PP de José Manuel Rodrigues admite a possibilidade de voltar a negociar com o PSD de Miguel Albuquerque. O líder regional dos social-democratas tem vindo a admitir o diálogo com todos os partidos, inclusivamente o Chega, que há muito garante não estar disponível para fazer quaisquer coligações.

 

“Prepotência do PSD” em véspera de abril

Na reunião do executivo municipal desta semana, os vereadores da Confiança viram todas as suas propostas reprovadas pela maioria PSD, numa “atitude prepotente, arrogante e discricionária que contrasta com os valores do Abril que abriu portas à democracia em Portugal”.
A proposta apresentada pela Confiança para a criação de um Plano Municipal de Prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis, como investimento na saúde pública, foi reprovada pelo PSD com o argumento de que seria competência municipal. O plano chumbado pela maioria previa a implementação de medidas práticas, como campanhas de prevenção com foco educacional em escolas e centros comunitários, e também sensibilização para a população geral, serviços de testagem e aconselhamento acessíveis e confidenciais, apoio reforçado a associações e profissionais de saúde, distribuição gratuita de preservativos em locais e eventos municipais e campanhas de sensibilização através de múltiplos meios de comunicação para informar sobre DSTs, promover a saúde sexual e combater o estigma.

 

Rota Porto Santo/Madeira vai para o Parlamento

JPP quer deslindar “intenção deliberada” de entregar ligação aérea à Binter. O partido Juntos pelo Povo (JPP) quer ver o concurso de ligação aérea Porto Santo/Madeira esclarecido em audição parlamentar da Assembleia Legislativa. A intenção surge depois de Carlos Amaro, administrador da companhia aérea portuguesa Sevenair, lançar fortes acusações sobre os procedimentos que levaram à entrega da rota à espanhola Binter.

 

CMF “ainda cria cargos ao gosto do freguês”

Na semana em que se soube que, no último ano, a Câmara Municipal do Funchal (CMF) acumulou prejuízos superiores a 5 milhões de euros, o executivo municipal apresenta uma proposta para voltar a aumentar o número de cargos de chefia, com a criação de novas unidades orgânicas.
A estrutura de organização da Câmara Municipal do Funchal proposta pelo executivo, segundo o comunicado enviado pela Confiança, ascende a uma centena de unidades orgânicas, com 3 direcções municipais, 19 departamentos, 55 divisões, 20 unidades e 3 gabinetes, às que se acrescem 45 secções, configurando uma criação artificial de cargos para poder satisfazer clientelas partidárias. Segundo o vereador Rúben Abreu: “É inqualificável que a um ano de terminar o mandato ainda se esteja a brincar com a estrutura orgânica da Câmara, criando cargos artificialmente e ao gosto do freguês, conforme a conveniência das necessidades partidárias”. O autarca lamenta que “esta proposta, feita em cima do joelho, constitui mais uma prova do desnorte que impera no Município do Funchal, sob os maus auspícios desta gestão”.

 

Albuquerque e o CDS “enterraram o FERRY”

Numa atividade realizada, nesta quarta-feira, no centro do Funchal, e em contato com pequenos empresários, o cabeça de lista do JPP e candidato a presidente do Governo lembrou que a proposta do JPP para a ligação Ferry, entre a Madeira e o Continente “não assenta necessariamente num concurso público internacional para a ligação marítima de carga e passageiros com recurso a indemnizações compensatórias, mas sim num contrato aberto assente na diplomacia comercial com os armadores ibéricos, com isenção de taxas e criação de uma rampa ro-ro e terrapleno.

 

“O lugar da Mulher é onde ela quiser”

A UMAR Madeira realizou uma conferência de imprensa para lançar a campanha online “Cuidado com os retrocessos. Protege os teus direitos.”, no âmbito dos 50 anos do 25 de Abril, onde foram abordados diversos temas que estão na ordem do dia. “Começamos pela definição real de igualdade de género, que é um direito humano consagrado nos 1º e 2º artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. A igualdade de género tem sido, recentemente, deturpada e carimbada propositadamente com a “ideologia de género” que nem sequer existe. Seguimos para a definição de feminismo, que tantas vezes é vista quase como uma palavra assustadora. Hoje em dia, para muitas pessoas, as/os feministas são pessoas que defendem a superioridade das mulheres em relação aos homens, quando o que o feminismo defende é justamente a igualdade de género, ou seja, igualdade de direitos, oportunidades e deveres para mulheres e homens”, refere Joana Martins, Coordenadora do Núcleo da UMAR Madeira.

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Apenas clientes com sessão iniciada que compraram este produto podem deixar opinião.